Vacinação em casa

Em meio à pandemia do novo coronavírus, muito tem se debatido a respeito da melhor orientação a ser dada sobre a vacinação infantil diante do cenário de distanciamento social vigente e a vacinação em casa ganhou novos adeptos por suas vantagens, que iremos evidenciar neste artigo.

No panorama atual, a preocupação com o isolamento fez com que muitos adiassem planos e atividades considerados não essenciais no momento.

Porém, ao tratar-se de saúde, o cuidado não deve ser negligenciado ou postergado, porque muitas vacinas protegem contra doenças tão ou até mais graves que a covid-19.

Em uma pesquisa divulgada recentemente pelo IBOPE Inteligência, notou-se que 29% dos pais adiaram a vacinação dos filhos após o surgimento da pandemia, ou seja, uma em cada três famílias evitou a imunização nesse período.

Entretanto, embora o isolamento e a limitação na circulação de pessoas reduza a transmissão, tanto do coronavírus, quanto de outros patógenos, o descumprimento do calendário de vacinação infantil pode impactar na cobertura vacinal, colocando a vida de todos em risco, especialmente frente à situação epidemiológica do sarampo, febre amarela e coqueluche no país.

NÃO ATRASE A VACINAÇÃO DOS PEQUENOS

A interrupção na vacinação, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), mesmo que por um breve período, pode aumentar a probabilidade de surtos, além do número de indivíduos suscetíveis às formas graves de doenças imunopreveníveis, como a pneumonia. 

Portanto, é imprescindível manter a carteirinha de vacinação das crianças em dia, tomando todos os cuidados necessários para evitar, ao máximo possível, a contaminação durante o processo.

Para evitar a exposição dos pequenos ao coronavírus no comparecimento aos postos de saúde ou em clínicas especializadas, alguns cuidados são recomendados, tais como buscar ir em horários mais vazios, utilizar roupas que sejam práticas para o profissional de saúde realizar a injeção e a utilização de máscara pelos responsáveis, lembrando que crianças pequenas não podem utilizá-la devido ao risco de asfixia.

VANTAGENS DA VACINAÇÃO EM CASA

Outra alternativa é a vacinação em domicílio, que, além de evitar a exposição ao virus SARS-CoV-2, reduz a possibilidade de aglomeração e transmissão do vírus, possui diversas vantagens no caso dos pequenos, sendo preferível no cenário atual.

Confira a seguir as principais vantagens:

  • Agendamento no melhor dia e horário de forma prática;
  • Ausência da necessidade de locomoção;
  • Mesmo nível de qualidade, tecnologia e atendimento que se encontraria vacinando-se em postos ou clínicas;
  • No caso de crianças que apresentam problemas durante a injeção, o atendimento domiciliar também acaba sendo mais fácil, reduzindo o possível estresse em espaço público;
  • Segurança e prevenção de riscos à saúde, principalmente durante a pandemia;

Como vimos a alternativa de vacinação em domicílio é uma ótima opção para quem deseja manter a carteirinha atualizada sem precisar sair do conforto e segurança do seu lar.

COMO AGENDAR A VACINAÇÂO NA SUA CASA

Além de proporcionar todas as vantagens citadas acima, o aplicativo Vacine.me oferece a possibilidade de consultar as clínicas mais próximas de você e comparar marcas e preços.

Em apenas 3 minutinhos você baixa o app Vacine.me, na Google Play ou App Store, insere o endereço onde quer o atendimento, seleciona a vacina, escolhe a clínica, realiza o pagamento e pronto.

É possível realizer o agendamento em qualquer dia da semana e para quantas pessoas for preciso, caso você queira pedir para 2 ou mais crianças e até mesmo para toda a família!

No app Vacine.me também é possível criar carteiras de vacinação virtuais gratuitamente, tornando ainda mais fácil manter as vacinas sempre em dia.  

Related Post

Deixe seu comentário

Posts recentes

Vacinação em domicílio
Vacinação em casa
vacina tetra viral
vacina hexavalente
Open chat